Ações afirmativas e inclusão regional:a experiência da Universidade Federal do ABC

Sidney Jard da Silva, Ana Keila Mosca Pinezi, Artur Zimerman

Resumo


Pretende contribuir para uma reflexão coletiva sobre o tema das ações afirmativas e das cotas no ensino superior brasileiro. A partir do estudo de caso da recém-criada Universidade Federal do ABC (UFABC), o trabalho procura responder se houve, de fato, ampliação e diversificação da base social da educação superior na região metropolitana do ABC Paulista; se houve mudanças institucionais para o recebimento desses novos grupos de estudantes; e se tais mudanças se expressaram no projeto pedagógico da instituição. A curta experiência da UFABC demonstra que a mera adoção do sistema de reserva de vagas (sociais e raciais) não é suficiente para a diversificação da base social do ensino superior, mas pode contribuir para a efetiva promoção de mudanças na estrutura institucional e organizacional das universidades brasileiras.

Palavras-chave


ensino superior; UFABC; ações afirmativas; sistema de cotas; perfil socioeconômico.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.24109/2176-6681.rbep.93i233.464

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





Rev. Bras. Estud. Pedagog., Brasília, DF, Brasil. e-ISSN: 2176-6681

Licença Creative Commons A Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 

EdubaseDiadorim - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas BrasileirasLatindex
EZ3 - Elektronische ZeitschriftenbibliothekOEI - Organización de Estados IberoamericanosIbict
Public Knowledge ProjectDOAJ - Directory of Open Access JournalsREDIB - Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico
 Public Knowledge Project