A formação do professor em Rodas de Formação

Fernanda Medeiros de Albuquerque, Maria do Carmo Galiazzi

Resumo


Para a formação do profissional da educação é essencial que existam momentos de partilhas para tecer uma rede de relações e proporcionar a construção do conhecimento. As Rodas de Formação possibilitam que os educandos exponham suas dificuldades, desafios e conquistas, além de oportunizar a busca em conjunto de estratégias de superação. É objetivo deste artigo apresentar o processo de formação inicial de licenciandos de Química da Universidade Federal do Rio Grande (Furg), participantes do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid) no ano de 2009, por meio da sua inserção em Rodas de Formação. Durante o curso, o licenciando é incentivado a escrever suas preocupações com a sala de aula, além de registrar suas ideias, saberes e sugestões, sendo a escrita uma possibilidade de reflexão do seu processo de formação. O espaço de partilha de argumentos e a insistência no exercício da escrita possibilitam uma maior segurança no momento de tomar decisões e reavaliar as decisões tomadas.

Palavras-chave


formação de professores; escrita

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.24109/2176-6681.rbep.92i231.550

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





Rev. Bras. Estud. Pedagog., Brasília, DF, Brasil. e-ISSN: 2176-6681

Licença Creative Commons A Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 

EdubaseDiadorim - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas BrasileirasLatindex
EZ3 - Elektronische ZeitschriftenbibliothekOEI - Organización de Estados IberoamericanosIbict
Public Knowledge ProjectDOAJ - Directory of Open Access JournalsREDIB - Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico
 Public Knowledge Project