Uma abordagem piagetiana para o planejamento do ensino de Física em cursos técnicos

Gabriel de Dias Carvalho Júnior

Resumo


Este trabalho tem como objetivo apresentar a teoria dos campos conceituais de Vergnaud (1990) como instrumento para o planejamento e para a análise das atividades de intervenção didática em aulas de Física. A abordagem, com inspirações piagetianas, tem como foco a busca nos conceitos e teoremas em ação dos estudantes para a promoção de mudanças conceituais (AGUIAR, JR, 2001) e ainda em curso. Apresentamos alguns dos resultados preliminares dessa forma de intervenção didática e discutimos suas implicações na a melhoria dos índices de aprovação em Física e, conseqüentemente, na inclusão social dos estudantes.

Palavras-chave


Campos Conceituais; planejamento do ensino; desenvolvimento cognitivo

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.24109/2176-6681.rbep.91i227.605

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





Rev. Bras. Estud. Pedagog., Brasília, DF, Brasil. e-ISSN: 2176-6681

Licença Creative Commons A Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 

EdubaseDiadorim - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas BrasileirasLatindex
EZ3 - Elektronische ZeitschriftenbibliothekOEI - Organización de Estados IberoamericanosIbict
Public Knowledge ProjectDOAJ - Directory of Open Access JournalsREDIB - Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico
 Public Knowledge Project