Um olhar sobre os indicadores de analfabetismo no Brasil

José Marcelino de Rezende Pinto, Liliane Lúcia Nunes de Aranha Oliveira Brant, Carlos Eduardo Moreno Sampaio, Ana Roberta Pati Pascom

Resumo


Analisa os principais fatores associados ao analfabetismo com base nos dados do Censo de 2000, realizado pelo IBGE. As principais conclusões do estudo indicam que o analfabetismo é um fenômeno que está presente com maior predominância não só nas regiões mais pobres do País como, também, na periferia dos grandes centros urbanos. Constata-se, ainda, um número considerável de analfabetos na faixa de 10 a 18 anos de idade, o que mostra que, no Brasil, a freqüência à escola não é um antídoto contra o analfabetismo. Observa-se também que, nos municípios onde a média de anos de estudo é elevada, o número de analfabetos é pequeno. Esses fatos apontam para a necessidade de as políticas de combate ao analfabetismo levarem em conta os diferentes perfis dos segmentos que se encontram nessa situação, bem como atuarem pari passu com as políticas de ampliação da escolaridade da população brasileira.

Palavras-chave: taxa de analfabetismo; indicadores educacionais; desigualdades regionais.



Abstract

The paper analyzes the main factors associated to illiteracy, with basis on data collected by School Census 2000, accomplished by IBGE. The main conclusions of the study indicate that illiteracy is a phenomenon that is present with larger predominance not only in the poorer areas of the country but also, in the periphery of great urban centers. One still verifies a considerable number of illiterates varying from 10 to 18 years of age, which shows that, in Brazil, school frequency is not an antidote against illiteracy. One also observes that in municipal districts, where the average of school years is elevated, the number of illiterates is small. These facts point out the necessity to fight illiteracy, taking into account the different profiles of the segments that are in this situation, as well as acting simultaneously with the politics of increasing education in Brazil.

Keywords: illiteracy rate, educational indicators, regional inequalities.

Palavras-chave


taxa de analfabetismo; indicadores educacionais; desigualdades regionais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.24109/2176-6681.rbep.81i199.971

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





Rev. Bras. Estud. Pedagog., Brasília, DF, Brasil. e-ISSN: 2176-6681

Licença Creative Commons A Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 

EdubaseDiadorim - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas BrasileirasLatindex
EZ3 - Elektronische ZeitschriftenbibliothekOEI - Organización de Estados IberoamericanosIbict
Public Knowledge ProjectDOAJ - Directory of Open Access JournalsREDIB - Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico
 Public Knowledge Project