A constituição da identidade docente e suas implicações nas práticas educativas de professores de uma universidade comunitária

Palavras-chave: ensino superior; formação de professores; identidade profissional.

Resumo

A identidade é um processo que emerge da percepção que temos sobre nós mesmos como sujeitos históricos, construída de acordo com o contexto, as vivências e as relações que cada pessoa estabelece com
os outros e com o mundo. Este texto objetiva identificar e analisar os fatores que influenciaram na constituição da identidade docente e as suas implicações nas práticas educativas de um grupo de professores do ensino superior de uma universidade comunitária. A pesquisa seguiu uma abordagem qualitativa, de caráter descritivo, por meio de uma entrevista semiestruturada. Os professores foram questionados de forma que pudessem rememorar sua trajetória de vida pessoal e profissional. Para esta investigação, encontramos aportes teóricos nos estudos acerca da temática “identidade profissional” na obra de Dubar (2005) e sobre a formação do professor do ensino superior em Pimenta e Anastasiou (2014), entre outros autores. A análise dos dados foi fundamentada na Análise Textual Discursiva de Moraes e Galiazzi (2016), que propõe três momentos: desmontagem dos textos, estabelecimento das relações e captação do novo emergente. De acordo com as afirmações dos professores, analisadas à luz do referencial teórico, consideramos que o professor tem seu ingresso na docência do ensino superior pelo perfil investigativo, tornando sua iniciação repleta de insegurança pela falta de conhecimentos específicos da docência. Esse profissional vai constituindo-se e identificando-se com a profissão no decorrer da trajetória docente pelos saberes práticos, resultantes das interações humanas estabelecidas no cotidiano acadêmico. Tais saberes necessitam ser refletidos criticamente segundo os referenciais do campo da educação. Por isso, são necessários, no âmbito da instituição, processos de profissionalização continuados que possibilitem que os saberes da prática sejam problematizados e reconstruídos pelos professores, tanto individual como coletivamente.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rose Aparecida Colognese Rech, Universidade de Cruz Alta (Unicruz). Cruz Alta, Rio Grande do Sul, Brasil.

Doutora em Educação nas Ciências pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijuí). Ijuí, Rio Grande do Sul, Brasil. 

Eva Teresinha de Oliveira Boff, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijuí). Ijuí, Rio Grande do Sul, Brasil.

Doutora em Educação em Ciências pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. 

Publicado
26-11-2021
Seção
Estudos