O lugar da educação não escolar nos currículos de Pedagogia

Palavras-chave: currículo; curso de Pedagogia; educação não escolar.

Resumo

Este artigo apresenta resultados de estudo que teve por objetivo analisar como a dimensão da educação não escolar, especificamente, é abordada nos projetos curriculares do curso de Pedagogia, tendo em vista as
diversas exigências formativas estabelecidas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais, aprovadas em 2006. A proposta metodológica foi estruturada em dois momentos: 1) revisão bibliográfica, na qual buscamos aportes que inter-relacionam a educação não escolar com a Pedagogia e referenciais da teoria curricular para lançar luzes sobre a compreensão do texto das diretrizes curriculares; e 2) pesquisa documental, na qual examinamos dez projetos pedagógicos do curso de Pedagogia de instituições de educação superior do Distrito Federal, destrinchando-os em categorias temáticas, por meio das quais efetuamos a análise do conteúdo levantado. Após a imersão nos dados, chegamos ao entendimento de que essas instituições formam o pedagogo docente em atenção às diretrizes do curso, mas sinalizam para os espaços de atuação profissional além da escola, especialmente ao delinearem disciplinas e estágios supervisionados que contemplem esse campo. Porém, observamos o isolamento e a desconexão desses componentes curriculares em relação à proposta formativa geral, o que indica a necessidade de engendrar propostas curriculares mais efetivas para abarcar a dimensão não escolar na formação dos pedagogos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mariana Aparecida Serejo de Souza, Universidade de Brasília (UnB). Brasília, Distrito Federal, Brasil.

Mestra em Educação pela Universidade de Brasília (UnB). Brasília, Distrito Federal, Brasil.

Publicado
26-11-2021
Seção
Estudos